.

HOME

ASTRONOMIA

 › História
 › Pesquisa Espacial
 › Satélites Artificiais
 › Telescópios
 › Dados

SISTEMA SOLAR

 › Sol
 › Mercúrio
 › Vênus
 › Terra
 › Marte
 › Júpiter
 › Saturno
 › Urano
 › Netuno
 › Planetoides

UNIVERSO

 › Asteroides
 › Cometas
 › Constelações
 › Estrelas
 › Via Láctea
 › Galáxias
 › Cosmos

ESPECIAIS

 › Catálogo Messier
 › Buracos Negros
 › Eclipses
 › Exoplanetas
 › Projeto SETI
 › Vida Extraterrestre

DIVERSOS

 › Últimas Notícias
 › Efemérides
 › O Céu este Mês
 › Dicionário
 › Fotos
 › Downloads
 › Links
 › Livros e Referências

CONTATO


 
 
 
OS PLANETAS EXTRASOLARES JÁ DESCOBERTOS

O descobrimento de planetas extrasolares nos últimos anos levou a um incremento nas pesquisas e instituições especializadas. Antes de 1980, o tema era abordado por pequenos grupos, que com o anúncio de descobertas equivocadas, ou até mesmo falsificadas, caíram em descrédito. Foi a partir de 1988 que uma equipe iniciou uma busca sistemática por outros planetas, liderada por Geoffrey W. Marcy (San Francisco State University) e R. Paul Butler (Carnegie Institution of Washington).

Apesar de ser a equipe com o maior número de planetas extrasolares descobertos até o momento, o crédito do primeiro exoplaneta detectado (51 Pegasi) é de Michel Mayor e Didier  Queloz do Observatório de Haute-Provenceque em 1995. A partir daí tem-se sucedido uma série de descobertas.

A observação direta de um planeta fora do nosso sistema é uma tarefa muito difícil. As estrelas são astros que emitem luz própria, enquanto os planetas apenas refletem essa luz, porém o brilho da estrela dificulta a observação de um planeta girando ao seu redor. Uma estrela do tipo solar emite uma radiação (visível) de um bilhão de vezes maior que um planeta.

A evidência da existência de exoplanetas se dá principalmente por meios indiretos. Os métodos mais utilizados são baseados nas perturbações gravitacionais e transito do planeta à frente da estrela, além de observações diretas através de infravermelho.

Pelo que se conhece, uma em cada seis estrelas reúne condições pré-planetárias, ou seja, se encontram rodeadas de matérias primas básicas essenciais para a formação de planetas. Já foram descobertos até agora 521 planetas em outras estrelas, porém nenhum com condições de vida semelhantes à Terra.

 
Astromador - Astronomia para Amadores